Trump exige rede social para liberar visto e não permitirá a entrada de esquerdistas em seu país

2519

O governo americano anunciou mudanças para quem pensa em pedir ou renovar um visto dos Estados Unidos, a partir deste mês, a maioria das pessoas que se candidatar a um visto no país terá que enviar junto com a solicitação informações sobre as redes sociais que usa ou usou nos últimos cinco anos.

Um sistema de rastreamento de posts do candidato foi criado e divulgado por Trump em entrevista, que faz uma espécie de raio-x nas redes sociais do interessado. A medida atinge países com alto número de esquerdistas, que pregam uma doutrina comunista mas acabam passando férias ou querendo morar no país capitalista.

Nos candidatos brasileiros, o sistema fará um escaneamento em posts com a hashtag #EleNão, avatares com filtro do Haddad, grupos e páginas esquerdistas seguidas pelo interessado.