Menino veste calcinha e menina veste cueca: Entenda o polêmico livro recolhido por Dória das escolas

411

O governador de São Paulo, João Doria, mandou recolher materiais escolares da rede estadual de ensino que tratam de diversidade sexual e identidade de gênero.

As apostilas estavam sendo utilizadas em aulas de ciências por alunos do oitavo ano do ensino fundamental, adolescentes com idades entre 13 e 14 anos.

O material retirado de circulação tinha cerca de três páginas tratando de conceitos sobre sexo biológico e orientação sexual. Ao explicar o que é identidade de gênero, a publicação apresenta o seguinte trecho: Podemos dizer que ninguém ‘nasce homem ou mulher’, mas que nos tornamos o que somos ao longo da vida.