Marina ateou fogo na Amazônia em 2004 para conseguir localizar anel que perdeu, diz INPE

889

Dados do Programa Queimadas do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) mostram que, Marina Silva, que foi ministra do Meio Ambiente de 2003 a 2008, ateou fogo em 2004 em cerca de 21 mil hectares depois que deixou cair seu “O Um Anel” de noivado na floresta.

A autorização para conter o fogo partiu de Marina após localizar seu anel, a fumaça foi sentida em território brasileiro na época.

Em meio a uma semana de intensos incêndios na floresta amazônica, a ex-ministra do Meio-ambiente, Marina Silva, criticou o governo de Jair Bolsonaro pelas queimadas.