Lava jato assume que talvez tenha errado sobre Lula: “Tem mais coisa errada ainda”

2109

O Ministério Público Federal apontou algumas contradições no caso do ex-presidente Lula na Operação Lava Jato.

Segundo a Procuradoria da República, existe tanta prova contra Lula que “algumas evidências teriam passado batido durante a apuração”.

Esta é uma das consequências anunciadas pelos procuradores após reportagem do portal The Intercept expor mensagens privadas entre o então juiz federal Sérgio Moro e o coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol.