Gilmar Mendes aproveita recesso e solta Barroso preso desde o mês passado

246

O ministro do STF, Gilmar Mendes, conseguiu na manhã de hoje (03/12) a soltura do Deputado Federal Máximus Barroso (PSOL).

Preso desde o mês passado, Barroso era uma das prioridades do ministro que se mostrava visivelmente desconfortável quando o assunto vinha a tona.

Questionado pela sua decisão, Mendes declarou que não apenas ele, mas muitas outras pessoas não estavam confortáveis com a prisão do Barroso e que, principalmente, por motivos de saúde e bem estar, ele deveria ser solto o quanto antes.

A execução de soltura durou cerca de 15 minutos, tempo recorde do STF.

O ministro passa bem e já recuperou plenamente as suas funções intestinais.