Geraldo Alckmin critica Escola Sem Partido e defende Escola Sem Merenda

172

O ex-governador de São Paulo e candidato derrotado à Presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB) que começará a dar aulas, a partir de 2019, na Universidade Nove de Julho (Uninove), disse em entrevista coletiva que o Brasil não precisa de projetos como o Escola Sem Partido.

O Escola Sem Partido proíbe o professor de discutir em sala de aula questões de gênero, religião, política e educação sexual, determinando que esses assuntos cabem à família, está errado, diz o ex-governador de São Paulo.

Alckmin defende o projeto  “Escola Sem Merenda”, que visa dividir a carga horária escolar do aluno em três partes do dia, fazendo com o aluno faça suas refeições em casa.