Falta de guarda-chuvas nas lojas cariocas obriga população a sair às ruas com fuzis

260

A forte onda de temporais no Rio de Janeiro tem forçado a população a encontrar soluções para se proteger do mal tempo.

A reportagem do Otarionista apurou que em quase 70% dos estabelecimentos cariocas já existe falta de guarda-chuvas forçando a população a usar seus fuzis para se proteger dos fortes temporais.

A idéia surgiu após recente declaração de jornalistas da Globo News que compararam os dois objetos, o representante comercial Gabriel Otávio quando perguntado sobre o uso do fuzil, declarou: “Não vivo mais sem, além de proteger da chuva, ontem mesmo eu consegui assustar um rapaz que tentou me assaltar usando uma furadeira”