Apesar do recesso, Gleisi vai ao STF pedir liberdade para Lula

1199

A deputada federal Gleisi Hoffmann (PT) em mais uma tentativa de libertar o ex-presidente Lula, foi ao STF na manhã dessa quarta-feira (24).

Gleisi permaneceu por cerca de 20 minutos em reunião com o presidente da corte, Dias Toffoli, fontes ligadas ao ministro garantiram que os dois saíram sensibilizados do encontro, que teve um tempo reservado para relembrar momentos felizes com Lula em uma apresentação de power point feita pela deputada.

Apesar do encontro ter sido considerado positivo, é improvável que Lula seja libertado tão cedo.