Codinome de Toffoli citado por Marcelo Odebrecht em delação é o mesmo tatuado na panturrilha de Lula

226

Marcelo Odebrecht revelou aos investigadores da PF o codinome que usava para se referir ao ministro José Dias Toffoli, presidente do STF, na empreiteira.

No material enviado à Lava Jato, em Curitiba ele diz que “amigo do amigo do meu pai” refere-se ao ministro.

O Otarionista apurou que o mesmo apelido citado, pertence a uma tatuagem na panturrilha de Lula, feita em 2009 em forma de homenagem ao pai e amigos, mesmo ano em que o ex-presidente indicou Toffoli ao cargo de ministro do STF.